Confesso que não consegui escapar ao enviesamento. O mais interessante da exposição sobre o cérebro na Gulbenkian... claro, os robots pintores de Leonel Moura.

bit2geek.com/2019/03/18/nos-e-

Visões da antártida, sustentabilidade do Open Source, as problemáticas éticas dos sistemas de pontuação social, livros para descobrir a Inteligência Artificial, cultos de carga, mulheres e computação, arte a debater o antropocénico, nós e os robots, super-heróis e refúgios morais num mundo complexo, vestígios arqueológicos atómicos, a FC analisada através de inteligência artificial, e não só. Um festim de links para saborear numa esplanada, ao sol mortiço de primavera. intergalacticrobot.blogspot.co

Como é que é possível facilitar a vida a pessoas com necessidades especiais, concebendo mobiliário adaptado ? Em Israel, a IKEA, em conjunto com as associações Milbat e Access Israel, encontraram uma resposta muito criativa, utilizando impressão 3D. bit2geek.com/2019/03/14/thisab

Livros do apocalipse, o horror da meritocracia, finalmente temos políticos millenial, ética e facebook (ah, a ironia), acessibilidade do fumetti, escolas e big tech, o adeus ao rover Opportinity, estéticas e smartphones, entre outros achados intrigantes na rede. intergalacticrobot.blogspot.co

O título clickbaity é também uma forma de perceber como os algoritmos manipulam a nossa forma de ver o mundo. Terça, vamos meter os miúdos a interagir com IA e a discutir robótica, automação e emprego... porque o futuro não tem de ser uma utopia neoliberal de economia automatizada a beneficiar apenas as elites. Talvez o conceito de emprego não deva ser o fator definidor do que somos, talvez a automatização da economia possa levar à justa redistribuição de riqueza.

Poderemos, num futuro próximo, regenerar feridas graves utilizando tecidos impressos em 3D criados com células do próprio paciente? E usar lentes de contato que assentam na perfeição na topologia do olho, impressas em 3D? bit2geek.com/2019/03/07/imprim

Começemos pelo diálogo entre um artista e uma inteligência artificial, e terminemos nos cyborgs que já somos. Pelo caminho, Flash Gordon, policiamento preditivo, benefícios da pirataria, condição crónica do apocalipse, windows em ambiente 3D, a maior defesa contra o assédio sexual são as seguradoras, e outras leituras.intergalacticrobot.blogspot.co

dei com isto no catálogo da exposição Hello, Robot e fiquei intrigado pela mistura de sci-fi retro com afrofuturismo. só podia dar artigo para o Bit2Geek. estas máquinas estão muito distantes da vanguarda de alta tecnologia. No entanto, representam verdadeira essência da robótica: criar máquinas que retirem pessoas de tarefas perigosas, utilizando os robots para resolver problemas muito humanos. bit2geek.com/2019/02/27/kinsha

O algoritmo GPT-2 é, inegavelmente, um enorme avanço na Inteligência Artificial. No entanto, a preocupação dos investigadores soa mais a auto-elogio profundo do que a um perigo real. As questões de validade e fiabilidade da informação online e nos media não devem ser menorizadas. Especialmente nesta era em que dispomos de ferramentas computacionais capazes de automatizar a manipulação de imagens. bit2geek.com/2019/02/25/leitur

Preservação da arte digital, programas espacias africanos, alguém se lembra do livejournal?, experiências científicas que transcendem o tempo de vida dos cientistas, impressão 3D na educação, capitalismo e parafusos, racismo na publicidade, carros voadores ou privilégios do homem branco. Algumas leituras registadas na rede.

intergalacticrobot.blogspot.co

Nma conversa em grupo de trabalho, alguém refere "mas os miúdos têm sempre telemóveis, prefiro-os a usar o plickers do que aquele jogo... como é que se chama, o em que saltam para uma ilha e andam aos tiros?" "Fortnite?", respondo. "Isso". "Hey", não resisto, " lembram-se das noitadas a jogar Doom?" Olham para mim com ar desconfiado. "O fortnite é essencialmente o mesmo espírito, não é por aí que virá a decadência da civilização..." É por isto que não faço amigos entre os meus colegas.

Aloha! I'm a tech educator at the elementary school level, from Texas but not a conservative, interested in all things science, tech, and SPACE!

Será possível automatizar uma fábrica integrando robótica, maquinação e impressão 3D? O projeto europeu LASIMM procura responder a essa questão. Financiado com fundos do Horizonte 2020, está a trabalhar num conceito inovador de máquina industrial. Está a ser desenvolvido por um consórcio de instituições e empresas europeias que inclui o Instituto Superior Técnico.
bit2geek.com/2019/02/22/lasimm

No passado dia 19 de Fevereiro um asteróide perigoso passou muito próximo do planeta Terra. E era perigoso por uma razão: a NASA considera um asteróide como “perigoso” ou com risco de colisão, quando este passa a uma distância inferior a 7 milhões de quilómetros. bit2geek.com/2019/02/21/ha-2-d

depois do delicioso nonnonba, a Devir Manga Portugal dá-nos a conhecer uma obra mais negra de mizuki: h-alt.weebly.com/marchamorte.h

Show more
Scholar Social

Federated microblogging for academics

Scholar Social is a microblogging platform for researchers, grad students, librarians, archivists, undergrads, academically inclined high schoolers, educators of all levels, journal editors, research assistants, professors, administrators—anyone involved in academia who is willing to engage with others respectfully.

We strive to be a safe space for queer people and other minorities in academia, recognizing that there can only be academic freedom where the existence and validity of interlocutors' identities is taken as axiomatic.

"An academic microblog that you can be proud to put on the last slide of a presentation at a conference"

"Official" monthly journal club!

(Participation is, of course, optional)

Scholar Social features a monthly "official" journal club, in which we try to read and comment on a paper of interest.

Any user of Scholar Social can suggest an article by sending the DOI by direct message to @socrates@scholar.social and one will be chosen by random lottery on the last day of the month. We ask that you only submit articles that are from *outside* your own field of study to try to ensure that the papers we read are accessible and interesting to non-experts.

Read more ...